Revisão sistemática da efetividade das estratégias que visam a encorajar pacientes a relembrar os profissionais de saúde sobre a higienização das mãos

DAVIS, R. ; PARAND, A. ; PINTO, A. ; BUETOWB, S.
Título original:
Systematic review of the effectiveness of strategies to encourage patients to remind healthcare professionals about their hand hygiene
Resumo:

Histórico: Os pacientes poderiam ajudar a melhorar a adesão dos profissionais de saúde à higienização das mãos (HM), relembrando-os da obrigatoriedade desta prática.

Objetivo: Rever a efetividade de estratégias voltadas para aumentar o envolvimento do paciente no esforço de relembrar os profissionais de saúde sobre a HM.

Métodos: Foi realizada uma revisão sistemática, utilizando as bases de dados Medline, EMBASE e PsycINFO. O período estipulado na estratégia de busca foi de 1980 a 2013.

Achados: Foram incluídos 28 de 1.956 possíveis artigos. Destes, 23 avaliaram a efetividade de estratégias desenvolvidas com foco no paciente e 5 examinaram as atitudes do paciente com relação a estratégias hipotéticas. Dezesseis artigos avaliaram estratégias de um único componente (por exemplo, vídeos) e 12 avaliaram abordagens multimodais (por exemplo, combinação de vídeo e panfleto). Em geral, as estratégias prometiam ajudar a aumentar a intenção e/ou o envolvimento do paciente com o esforço de relembrar os profissionais de saúde sobre a HM. Encorajar tais profissionais foi a estratégia que despontou como a mais eficaz. Ressalta-se, entretanto, que a qualidade metodológica dos artigos em relação à abordagem dos objetivos específicos desta revisão deixou a desejar. 

Conclusão: Há várias estratégias que visam a encorajar pacientes a questionar os profissionais de saúde quanto à HM. Estudos mais bem controlados e medidas de resultados mais robustas vão ajudar a compreender melhor quais estratégias podem ter mais êxito e por quê.

Palavras-chave: Revisão sistemática; Envolvimento do paciente; Infecções adquiridas no hospital; Adesão à higienização das mãos

Resumo Original:

Background: Patients could help to improve the hand hygiene (HH) compliance of healthcare professionals (HCPs) by reminding them to sanitize their hands.

Aim: To review the effectiveness of strategies aimed at increasing patient involvement in reminding HCPs about their HH.

Methods: A systematic review was conducted across Medline, EMBASE and PsycINFO between 1980 and 2013.

Findings: Twenty-eight out of a possible 1956 articles were included. Of these, 23 articles evaluated the effectiveness of developed patient-focused strategies and five articles examined patients' attitudes towards hypothetical strategies. Sixteen articles evaluated single-component strategies (e.g. videos) and 12 articles evaluated multi-modal approaches (e.g. combination of video and leaflet). Overall, the strategies showed promise in helping to increase patients' intentions and/or involvement in reminding HCPs about their HH. HCP encouragement appeared to be the most effective strategy. However, the methodological quality of the articles in relation to addressing the specific aims of this review was generally weak.

Conclusion: A number of strategies are available to encourage patients to question HCPs about their HH. Better controlled studies with more robust outcome measures will enhance understanding about which strategies may be most successful and why.

Keywords: Systematic review; Patient involvement; Hospital-acquired infections; Hand hygiene compliance

Fonte:
J Hosp Infect ; 89(3): 141–162; 2015. DOI: 10.1016/j.jhin.2014.11.010.
Nota Geral:

Crédito da imagem: Clinica Vilara