Quais indicadores prioritários devemos utilizar para avaliar o desempenho do cuidado de enfermagem? Um artigo de discussão

DUBOIS, C. A. ; D'AMOUR, D. ; BRAULT, I. ; DALLAIRE, C. ; DÉRY, J. ; DUHOUX, A. ; LAVOIE-TREMBLAY, M.
Título original:
Which priority indicators to use to evaluate nursing care performance? A discussion paper
Resumo:

Objetivos: Apresentar uma discussão sobre um conjunto ideal de indicadores que possam ser usados de forma prioritária para avaliar o desempenho do cuidado de enfermagem.

Contexto: Avanços recentes na conceptualização do desempenho do cuidado de enfermagem, exemplificados pelo Referencial para o Desempenho do Cuidado de Enfermagem (Nursing Care Performance Framework), revelam um amplo universo de indicadores potencialmente úteis para avaliar o cuidado de enfermagem. Agora, as organizações têm o desafio de selecionar, desse universo, um subconjunto realista de indicadores que possam formar um método de avaliação comum e equilibrado.

Desenho: Artigo de discussão baseado em uma avaliação sistemática de indicadores de desempenho selecionados.

Fontes de dados: Trabalhos anteriores, baseados em revisões sistemáticas da literatura publicadas entre 1990 e 2014, contribuíram para o desenvolvimento do Referencial para o Desempenho do Cuidado de Enfermagem (Nursing Care Performance Framework). Estes trabalhos confirmaram um conjunto robusto de indicadores que abarcam os conteúdos atualmente corroborados pela literatura científica e cobrem todas as principais áreas do desempenho do cuidado de enfermagem. Com base nesses trabalhos anteriores, este estudo consistiu em coletar evidências específicas que corroborem 25 indicadores selecionados, com base em sínteses sistemáticas, metanálises e revisões integrativas.

Implicações para o cuidado de enfermagem: Este estudo identificou um conjunto de 12 indicadores que possuem amplitude e profundidade suficientes para abarcar todo o espectro do cuidado de enfermagem e podem ser implementados de forma prioritária.

Conclusões: Este estudo abre caminho para novas iniciativas que visem sanar as lacunas existentes na operacionalização do desempenho do cuidado de enfermagem. O próximo marco será estabelecer a infraestrutura necessária para coletar dados sobre esses indicadores e utilizá-los de forma efetiva.

Resumo Original:

Aims: A discussion of an optimal set of indicators that can be used on a priority basis to assess the performance of nursing care.

Background: Recent advances in conceptualization of nursing care performance, exemplified by the Nursing Care Performance Framework, have revealed a broad universe of potentially nursing-sensitive indicators. Organizations now face the challenge of selecting, from this universe, a realistic subset of indicators that can form a balanced and common scorecard.

Design: Discussion paper drawing on a systematic assessment of selected performance indicators.

Data Sources: Previous works, based on systematic reviews of the literature published between 1990 - 2014, have contributed to the development of the Nursing Care Performance Framework. These works confirmed a robust set of indicators that capture the universe of content currently supported by the scientific literature and cover all major areas of nursing care performance. Building on these previous works, this study consisted in gathering the specific evidence supporting 25 selected indicators, focusing on systematic syntheses, meta-analyses and integrative reviews.

Implications for nursing: This study has identified a set of 12 indicators that have sufficient breadth and depth to capture the whole spectrum of nursing care and that could be implemented on a priority basis.

Conclusions: This study sets the stage for new initiatives aiming at filling current gaps in operationalization of nursing care performance. The next milestone is to set up the infrastructure required to collect data on these indicators and make effective use of them.

Fonte:
J Adv Nurs ; 2017. DOI: 10.1111/jan.13373.
Nota Geral:

Online First