Prioridades na pesquisa sobre a segurança em pacientes pediátricos

Hoffman JM ; Keeling NJ ; Forrest CB ; Tubbs-Cooley HL ; Moore E ; Oehler E ; Wilson S
Título original:
Priorities for Pediatric Patient Safety Research. Pediatrics
Resumo:

CONTEXTO: O desenvolvimento de uma agenda de pesquisa centrada nas prioridades dos principais grupos de interesse pode acelerar a implementação e a difusão. O nosso objetivo foi identificar os temas de pesquisa mais prioritários para profissionais clínicos pediátricos, líderes do sistema de saúde e famílias.
MÉTODOS: A Children’s Hospitals Solutions for Patient Safety Network é uma rede de mais de 100 hospitais pediátricos que trabalham juntos para eliminar os danos causados pelo cuidado de saúde. Os pais e líderes de cada unidade responderam a um inquérito aberto e anônimo, enviado por e-mail, instando-os a levantar tópicos para a pesquisa. Um painel representando os principais grupos de interesse examinou e priorizou os tópicos, classificando-os com uma escala de Likert. Os pais e líderes de unidades responderam a um segundo inquérito anônimo por e-mail e classificaram a importância de cada tópico. Também fizemos entrevistas com executivos do sistema de saúde para conhecer suas opiniões a respeito das principais prioridades para a pesquisa em segurança do paciente.
RESULTADOS: O inquérito de levantamento recebeu 107 respostas, que mencionaram 49 tópicos de pesquisa diferentes. O painel dos grupos de interesse desenvolveu uma lista final de 24 tópicos. O inquérito de priorização recebeu 74 respostas. Os tópicos de pesquisa mais prioritários estiveram relacionados a alta confiabilidade, cultura de segurança, comunicação aberta e detecção precoce da deterioração de pacientes e da sepse. Nas 7 entrevistas qualitativas, os executivos do sistema de saúde destacaram os erros diagnósticos, a segurança dos medicamentos, a deterioração e a segurança do paciente ambulatorial como áreas prioritárias.
CONCLUSÕES: Com este estudo, damos um primeiro passo em direção a uma agenda de pesquisa orientada pelos principais grupos de interesse, com base no pressuposto de que são os grupos mais bem posicionados para determinar o tipo de pesquisa que poderá resolver os problemas que mais os preocupam.
 

Resumo Original:

BACKGROUND: Developing a research agenda that is focused on the priorities of key
stakeholders may expedite implementation and dissemination. Our objective was to
identify the highest-priority patient-safety research topics among pediatric clinicians,
health care leaders, and families.
METHODS: The Children’s Hospitals Solutions for Patient Safety Network is a network of >100 children’s hospitals working together to eliminate harm due to health care. Parents and site leaders responded to an open-ended, anonymous e-mail survey used to elicit research topics. A key stakeholder panel winnowed related topics and prioritized topics using Likert scale ratings. Site leaders and parents responded to a second anonymous e-mail survey and rated the importance of each topic. Health system executive interviews were used to elicit their opinions regarding top priorities for patient-safety research.
RESULTS: The elicitation survey had 107 respondents who produced 49 unique research topics. The key stakeholder panel developed a final list of 24 topics. The prioritization survey had 74 respondents. Top-priority research topics concerned high reliability, safety culture, open communication, and early detection of patient deterioration and sepsis.
During 7 qualitative interviews, health system executives highlighted diagnostic error, medication safety, deterioration, and ambulatory patient safety as priority areas.
CONCLUSIONS: With this study, we take a first step toward a stakeholder-driven research
agenda on the basis of the assumption that stakeholders are best positioned to determine
what research will be used to address the problems of most concern to them.
 

Fonte:
; 143(2): 2020. DOI: 10.1542/peds.2018-0496.