Os riscos atuais de infecção na transfusão de sangue — uma situação não preto e branco

GARRAUD, O. ; FILHO, L.A. ; LAPERCHE, S. ; TAYOU-TAGNY, C. ; POZZETTO, B.
Título original:
The infectious risks in blood transfusion as of today - A no black and white situation
Resumo:

A transfusão foi contaminada com o risco de contrair uma infecção — muitas vezes grave —, e medos em relação a esse risco ainda persistem, em nítido contraste com o risco real nos países ocidentais. Esses riscos reais podem ser imunológicos, técnicos (sobrecarga) ou metabólicos. Entretanto, nos países em desenvolvimento e, particularmente, na África, as infecções transmitidas por transfusão (ITTs) são ainda frequentes por causa tanto da escassez de doadores voluntários de sangue e recursos quanto da alta incidência e prevalência de infecções. A segurança global dos hemocomponentes foi declarada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como objetivo a ser alcançado em nível global. No entanto, esse desafio é difícil de ser atingido em razão de vários fatores intrincados, entre os quais estão: o surgimento de agentes infecciosos, a baixa renda e infrações em saneamento e higiene. Esta revisão tem como objetivo analisar de forma abrangente a situação das ITTs em diferentes contextos, bem como os meios que podem ser implantados para melhorar a situação onde seja possível.

Resumo Original:

Transfusion has been tainted with the risk of contracting an infection - often severe - and fears about this risk are still prevailing, in sharp contrast with the actual risk in Western countries. Those actual risks are rather immunological, technical (overload) or metabolic. Meanwhile, in developing countries and particularly in Africa, transfusion transmitted infections (TTIs) are still frequent, because of both the scarcity of volunteer blood donors and resources and the high incidence and prevalence of infections. Global safety of blood components has been declared as a goal to be attained everywhere by the World Heath Organization (WHO). However, this challenge is difficult to meet because of several intricate factors, of which the emergence of infectious agents, low income and breaches in sanitation and hygiene. This review aims at encompassing the situation of TTIs in different settings and means that can be deployed to improve the situation where this can possibly be.

Fonte:
; 45(7-8 Pt 2): e303-11; 2016. DOI: 10.1016/j.lpm.2016.06.022.