Melhoria de resultados ligados aos pacientes e aos profissionais usando um programa de desenvolvimento da prática clínica

HENNESSEY, C. E. ; FRY, M.
Título original:
Improving patient and staff outcomes using practice development
Resumo:

Objetivo: O objetivo deste artigo é examinar o impacto de um programa de desenvolvimento da prática clínica, Essentials of Care (EOC), sobre resultados ligados aos pacientes e aos profissionais, a cultura no local de trabalho e a prestação de serviços.

Desenho/metodologia/abordagem: Utilizamos um desenho descritivo para explorar o impacto do EOC numa enfermaria de reabilitação de um hospital distrital. O EOC concentra-se na integração de uma cultura centrada na pessoa nas áreas clínicas e estrutura-se a partir de metodologias de desenvolvimento da prática clínica. O EOC foi implementado numa enfermaria de 20 leitos para pessoas idosas de um hospital de reabilitação num distrito metropolitano.

Resultados: Dois projetos foram implementados durante o EOC. Estes projetos levaram a nove resultados significativos ligados aos pacientes e profissionais em práticas de cuidado relacionadas aos medicamentos e à continência. Os resultados incluíram uma redução de 80% nas queixas de pacientes idosos, de 62% nas úlceras por pressão, de 50% nas taxas de infecção por Staphylococcus aureus multirresistente, de 22% nos incidentes clínicos, de 14% nas quedas de pessoas idosas (por 1.000 leitos-dias) e de 10% nos dias de trabalho perdidos por licença médica entre enfermeiros. Também houve uma melhoria de 13% no inquérito de satisfação no local de trabalho entre enfermeiros após a implementação da intervenção.

Limitações/implicações da pesquisa: Este foi um estudo realizado em um único local, e os resultados talvez não possam ser generalizados para populações e ambientes clínicos mais amplos.

Originalidade/valor: O programa EOC levou a melhorias significativas nas práticas clínicas, na satisfação dos profissionais e na cultura das enfermarias. Especificamente, o programa EOC também identificou economias significativas de custos e reuniu a equipe de saúde de forma coesa e integrada, que não havia sido vivenciada anteriormente pelos profissionais. As estratégias de desenvolvimento da prática clínica podem promover a melhoria da qualidade dos serviços, melhores resultados ligados aos pacientes e a consistência no cuidado de saúde.

Resumo Original:

Purpose: The purpose of this paper is to examine the impact of a practice development program, "Essentials of Care" (EOC), on patient and staff outcomes, workplace culture and service delivery.

Design/methodology/approach: A descriptive study design was used to explore the impact of EOC in a district hospital rehabilitation ward. EOC focuses on embedding a person-centered culture within clinical areas and is structured from practice development methodologies. EOC was implemented in a metropolitan district hospital rehabilitation, older person 20-bed, ward.

Findings: Two projects were implemented during EOC. These projects led to nine significant patient and staff outcomes for medication and continence care practices. Outcomes included a reduction in older person complaints by 80 percent, pressure injuries by 62 percent, ward multi resistant staphylococcus aureus infection rates by 50 percent, clinical incidents by 22 percent, older person falls by 14 percent (per 1,000 bed days) and nursing sick leave by 10 percent. There was also a 13 percent improvement in the post nursing workplace satisfaction survey.

Research limitations/implications: This is a single site study and findings may not be suitable for generalizing across ward settings and broader population groups.

Originality/value: The EOC program led to significant improvements for and in clinical practices, staff satisfaction and ward culture. Specifically, the EOC program also identified significant cost savings and brought together the healthcare team in a cohesive and integrated way not previously experienced by staff. Practice development strategies can champion service quality improvement, optimal patient outcomes and consistency within healthcare.

Fonte:
Int J Health Care Qual Assur ; 29(8): 853-863; 2016. DOI: 10.1108/IJHCQA-02-2016-0020.