Implementação de reuniões rápidas de segurança diárias entre os líderes de um hospital público: uma lacuna a ser superada

Castaldi M ; Kaban JM ; Petersen M ; George G ; OʼNeill A ; Mullaney K, ; Pennacchio S
Título original:
Implementing Daily Leadership Safety Huddles in a Public Hospital: Bridging the Gap
Resumo:

CONTEXTO: A nossa instituição introduziu a realização de reuniões rápidas de segurança como uma iniciativa para melhorar a comunicação e fazer da cultura de segurança uma prioridade. As reuniões constituem fóruns transparentes, regulares e recorrentes de líderes hospitalares clínicos e administrativos, nos quais os problemas e preocupações de segurança são identificados, compartilhados e prontamente abordados. MÉTODOS: Estudamos indicadores sobre a eficácia das reuniões rápidas em três áreas: tempo de resolução dos processos de prestação de serviços de tecnologia da informação (TI), cateterismo de bexiga e monitoramento individual de pacientes internados. RESULTADOS: A análise revelou a efetividade das reuniões rápidas na qualidade do cuidado hospitalar e na redução dos custos. O inquérito revelou 75% ou mais de respostas favoráveis nos itens que avaliavam a melhoria da comunicação, a transparência, o tempo até a resolução de problemas, a capacidade de expressar preocupações e a segurança do paciente. Como resultado da implementação das reuniões rápidas, os indicadores mostraram uma redução de 46% no tempo de resolução dos processos de TI (p=0,0001), de 28% nos dias de utilização de cateteres vesicais fora da unidade de terapia intensiva (p=0,011) e de 10% nas observações contínuas (p=0,008), permitindo uma redução de 24% nos custos (p=0,001), com economias trimestrais de US$ 139.107,00. CONCLUSÃO: Estes indicadores demonstram que as reuniões rápidas de segurança são úteis para promover e sustentar uma cultura de segurança do paciente em hospitais.
 

Resumo Original:

BACKGROUND: A Leadership Safety Huddle was instituted in efforts to improve communication and make safety culture a priority at our institution. The Huddle is a transparent, regularly recurring forum of clinical and administrative hospital leaders, in which safety issues and concerns are identified, shared, and swiftly addressed. METHODS: Metrics regarding huddle effectiveness in 3 areas are studied: information technology (IT) services ticket resolution time, bladder catheterization, and one-to-one inpatient monitoring. RESULTS: Analysis revealed effectiveness of the huddle on quality of inpatient care and cost savings. Survey revealed 75% or higher favorable responses to huddle improving communication, transparency, time to resolution of issues, ability to voice concerns, and patient safety. As a result of huddle implementation, metrics showed 46% reduction in IT ticket turnaround time (P = .0001), 28% reduction in non-intensive care unit bladder catheter days (P = .011), and 10% decrease in continuous observations (P = .008), allowing a 24% reduction in cost (P = .001) with quarterly savings of $139 107.00. CONCLUSION: These metrics demonstrate how huddles are instrumental in infusing and sustaining a culture of patient safety in hospitals.
 

Fonte:
; 28(2): 108-113; 2019. DOI: 10.1097/QMH.0000000000000207.