Compreendendo as práticas do parto como um fenômeno cultural organizacional: um arcabouço conceitual

BEHRUZI, R. ; HATEM, M. ; GOULET, L. ; FRASER, W. ; MISAGO, C.
Título original:
Understanding childbirth practices as an organizational cultural phenomenon: a conceptual framework
Resumo:

Para uma compreensão dos principais valores e crenças que podem promover práticas de parto humanizado nos hospitais especializados, é necessária uma articulação do conhecimento teórico das características sociais e culturais do campo do parto e das relações entre elas e a instituição. Este artigo visa propiciar um arcabouço conceitual que permita examinar as práticas de parto através da ótica de uma teoria de cultura organizacional. Uma revisão da literatura realizada para extrapolar os fatores sociais e culturais contribui para práticas de parto e os fatores tendem a se sobrepor e a reforçar uns aos outros, em vez de seguir a cultura organizacional do local do parto. O arcabouço conceitual proposto neste artigo examinou padrões de parto como um fenômeno cultural organizacional em um hospital altamente especializado em Montreal, Canadá. A teoria organizacional de Allaire e Firsirotu serviu de guia para a elaboração do arcabouço. Discutimos a aplicação do nosso modelo conceitual para compreender as influências dos componentes da cultura organizacional sobre a humanização das práticas de parto em hospitais altamente especializados e explicamos como esses componentes configuram tanto a prática do parto quanto a escolha da grávida nos hospitais altamente especializados. O arcabouço proposto pode ser usado como ferramenta para compreender os fatores que facilitam e atrapalham as práticas de parto nos hospitais especializados.

Palavras-chave: Humanização do parto; Cultura organizacional; Parto social; Arcabouço conceitual

Resumo Original:

Understanding the main values and beliefs that might promote humanized birth practices in the specialized hospitals requires articulating the theoretical knowledge of the social and cultural characteristics of the childbirth field and the relations between these and the institution. This paper aims to provide a conceptual framework allowing examination of childbirth practices through the lens of an organizational culture theory. A literature review performed to extrapolate the social and cultural factors contribute to birth practices and the factors likely overlap and mutually reinforce one another, instead of complying with the organizational culture of the birth place. The proposed conceptual framework in this paper examined childbirth patterns as an organizational cultural phenomenon in a highly specialized hospital, in Montreal, Canada. Allaire and Firsirotu’s organizational culture theory served as a guide in the development of the framework. We discussed the application of our conceptual model in understanding the influences of organizational culture components in the humanization of birth practices in the highly specialized hospitals and explained how these components configure both the birth practice and women’s choice in highly specialized hospitals. The proposed framework can be used as a tool for understanding the barriers and facilitating factors encountered birth practices in specialized hospitals.

Keywords: Humanization of childbirth; Organizational culture; Social birth; Conceptual framework

Fonte:
BMC Pregnancy Childbirth ; 13(205): 2-10; 2013. DOI: 10.1186/1471-2393-13-205.
DECS:
hospitais, serviços de saúde materna, modelos teoricos, cultura organizacional, parto, participação do paciente, assistência centrada no paciente, gravidez, direitos da mulher
Nota Geral:

Créditos imagem: Salim Fadhley@flickr