Clima de segurança do paciente no serviço hospitalar de cardiologia: instrumento para gestão da segurança

Aline Mirema Ferreira Vitorio ; Daisy Maria Rizatto Tronchin
Título original:
Clima de segurança do paciente no serviço hospitalar de cardiologia: instrumento para gestão da segurança
Resumo Original:

Objetivo:
Avaliar o clima de segurança na perspectiva de profissionais de saúde nas unidades de internação e de terapia intensiva de um hospital público especializado em cardiologia, no município do Rio de Janeiro.
Métodos:
Estudo quantitativo, exploratório, descritivo, empregando-se o instrumento SafetyAttitudesQuestionnaire. Os achados foram analisados conforme a estatística descritiva e inferencial, com nível de significância de 5%.
Resultados:
O clima de segurança geral obteve média de 66,6; o melhor escore correspondeu ao domínio Satisfação no trabalho (80,8) e o menor à Percepção da gerência do hospital (52,5). As médias dos escores foram estatisticamente significantes quanto ao vínculo trabalhista, ao gênero e à categoria profissional.
Conclusão:
Há fragilidades no clima de segurança relativas à gerência e quanto a possuir vínculo estatutário, pertencer ao gênero homem e à equipe de enfermagem.

Fonte:
Revista Brasileira de Enfermagem - REBEn ; 73; 2021. DOI: doi.org/10.1590/0034-7167-2019-0549.