Chegou a hora do uso obrigatório de simulações e fatores humanos no design de hospitais

Brooke Dench ; Stephanie Barwick ; Melanie Barlow
Título original:
It's time for the mandatory use of simulation and human factors in hospital design
Resumo:

A construção de uma nova instalação de saúde é complexa e envolve o desafio de entregar uma unidade adequada ao seu propósito e projetada de modo a minimizar erros ambientais e processuais latentes. Este artigo resume o que as disciplinas dos Fatores Humanos/Ergonomia e Simulação podem oferecer para o design e teste de novos hospitais. Defendemos que a incorporação destas duas disciplinas durante as fases de planejamento, design, contratação e operação do projeto de construção pode minimizar os riscos de segurança latentes, promovendo a segurança do paciente e o bem-estar dos profissionais durante todo o ciclo de vida do edifício. As diretrizes e políticas futuras devem incluir a integração do design embasado nos fatores humanos e testes obrigatórios dos processos antes da abertura.
 

Resumo Original:

Building a new healthcare facility is complex and poses challenges in delivering a facility that is fit for purpose and designed to minimise latent environmental and process errors. This article summarises what the disciplines of Human Factors/Ergonomics and Simulation can offer to the design and testing of new hospital builds. It argues the incorporation of both disciplines throughout the planning, design, commissioning and operations phases of the building project can minimise latent safety risks to promote patient safety and staff well-being across the building lifecycle. Future directions and policies should include incorporation of human factors design and mandatory process testing before opening.
 

Fonte:
; 44(4): 547-549 ; 2020. DOI: doi.org/10.1071/AH19114.