Atualização acerca da sobreutilização do cuidado de saúde

MORGAN, D. J. ; WRIGHT, S. M. ; DHRUVA, S.
Título original:
Update on medical overuse
Resumo:

Importância: A sobreutilização do cuidado de saúde, que consiste, essencialmente, no diagnóstico e no tratamento excessivos, é um problema clínico comum.

Objetivo: Identificar e destacar os principais artigos clínicos acerca da sobreutilização do cuidado de saúde publicados em 2013.

Revisão das Evidências: Foi feita uma revisão sistemática de artigos em inglês, publicados em 2013, ligados a sobreutilização  do cuidado de saúde em adultos.

Resultados: Revisamos 478 artigos publicados que cumpriram os nossos critérios de inclusão. Destes, 126 foram classificados como mais relevantes segundo a qualidade da metodologia, a força dos resultados, seus possíveis efeitos sobre o cuidado de saúde e o número de pacientes potencialmente afetados. Selecionamos, posteriormente, os 10 artigos mais relevantes com base nos mesmos critérios. Estes 10 artigos (organizados nas categorias diagnóstico excessivo, tratamento excessivo e métodos para evitar a sobreutilização) foram analisados e interpretados com base em seu efeito sobre a prática clínica.

Conclusões e Relevância: A literatura acerca da sobreutilização  do cuidado de saúde está em rápida expansão. Em 2013, foram publicados ensaios clínicos e estudos observacionais que destacam o uso excessivo ou desnecessário do cuidado de saúde. A sobreutilização de exames leva a resultados falsos-positivos e a diagnósticos em excesso. Os resultados negativos de exames não parecem tranquilizar verdadeiramente os pacientes. O tratamento excessivo, tanto nas intervenções clínicas como cirúrgicas, aumenta o risco de que o paciente sofra eventos adversos desnecessários.

Resumo Original:

Importance: Overuse of medical care, consisting primarily of overdiagnosis and overtreatment, is a common clinical problem.

Objective: To identify and highlight the most significant clinical articles published in 2013 related to medical overuse.

Evidence Review: A systematic review of English-language articles published in 2013 that related to medical overuse in adults.

Findings: We reviewed 478 published articles that met our inclusion criteria. Of these, 126 were ranked most relevant based on quality of methodology, strength of results, potential effects on patient care, and the number of patients potentially affected. The 10 most relevant articles were selected using the same criteria. These 10 articles (organized into the categories overdiagnosis, overtreatment, and methods to avoid overuse) were reviewed and interpreted for their effect on clinical medicine.

Conclusions and Relevance: The literature on overuse of medical care is rapidly expanding. In 2013, both clinical trials and observational studies highlighted frequently overused or unnecessary care. Overuse of testing causes false-positive results and overdiagnosis. Negative test results do not appear to genuinely reassure patients. Overtreatment, with both medical therapies and procedural interventions, places patients at risk of unnecessary adverse events.

Fonte:
JAMA Intern Med ; 175(1): 120-124; 2015. DOI: 10.1001/jamainternmed.2014.5444.
DECS:
mau uso de serviços de saúde, assistência à saúde, uso excessivo de produtos e serviços de saúde, revisão
Nota Geral:

Crédito da imagem: AdamBerry@GettyImages