Aceitação do programa de prevenção de quedas 6-PACK: um estudo de pré-implementação em hospitais que participam de um estudo controlado e randomizado por conglomerados

BARKER, A. L. ; MORELLO, R. T. ; AYTON, D. R. ; HILL, K. D. ; BRAND, C. A. ; LIVINGSTON, P. M. ; BOTTI, M.
Título original:
Acceptability of the 6-PACK falls prevention program: A pre-implementation study in hospitals participating in a cluster randomized controlled trial
Resumo:

Existem evidências limitadas que sustentam a efetividade das intervenções para a prevenção de quedas em ambientes hospitalares para pacientes agudos. O programa de prevenção de quedas 6-PACK inclui uma ferramenta para avaliar o risco de quedas, sinais de alerta para quedas, supervisão dos pacientes no banheiro, manutenção dos instrumentos de apoio à locomoção ao alcance dos pacientes, regimes de uso do banheiro, leitos baixos e alarmes de leito/cadeira. Este estudo explorou a aceitação do programa 6-PACK na perspectiva de enfermeiros e funcionários sênior antes da sua implementação em um estudo controlado e randomizado. Utilizamos uma abordagem de métodos mistos que envolveu 24 enfermarias para pacientes agudos de seis hospitais australianos. Os participantes foram enfermeiros que trabalhavam nas enfermarias incluídas e funcionários sêniores do hospital, incluindo: gerentes de unidades de enfermagem, médicos sênior, diretores de enfermagem e funcionários sêniores envolvidos nas áreas de qualidade e segurança ou prevenção de quedas. As informações sobre a aceitação do programa (adequação, praticidade e benefícios) foram obtidas por meio de inquéritos, grupos focais e entrevistas. A análise dos dados dos inquéritos foi descritiva, e a análise dos grupos focais e entrevistas foi temática. A taxa de resposta do inquérito foi de 60%. Foram realizados 12 grupos focais (n=96 enfermeiros) e 24 entrevistas com funcionários sêniores. As quedas foram identificadas como uma prioridade de segurança do paciente, e os enfermeiros foram considerados fundamentais para a sua prevenção. Os participantes consideraram que o programa 6-PACK oferece benefícios práticos em comparação com as práticas atuais. Os enfermeiros concordaram (>70%) que as ferramentas de avaliação do risco de quedas, os leitos baixos e os sinais de alerta são úteis na prevenção de quedas. Houve opiniões mistas em relação à utilidade de manter os aparelhos de apoio à locomoção ao alcance dos pacientes. As questões práticas levantadas incluíram o acesso aos equipamentos e o risco de lesões aos profissionais devido ao uso de leitos baixos. A supervisão no uso do banheiro foi considerada benéfica, mas nem sempre prática. As opiniões em relação à adequação e aos benefícios do programa foram consistentes entre os enfermeiros e os funcionários sêniores. Os profissionais consideraram que o programa 6-PACK foi adequado, prático e benéfico e se mostraram dispostos a adotá-lo. Foram destacadas algumas preocupações práticas a serem abordadas no plano de implementação.

Resumo Original:

There is limited evidence to support the effectiveness of falls prevention interventions in the acute hospital setting. The 6-PACK falls prevention program includes a fall-risk tool; 'falls alert' signs; supervision of patients in the bathroom; ensuring patients' walking aids are within reach; toileting regimes; low-low beds; and bed/chair alarms. This study explored the acceptability of the 6-PACK program from the perspective of nurses and senior staff prior to its implementation in a randomised controlled trial. A mixed-methods approach was applied involving 24 acute wards from six Australian hospitals. Participants were nurses working on participating wards and senior hospital staff including: Nurse Unit Managers; senior physicians; Directors of Nursing; and senior personnel involved in quality and safety or falls prevention. Information on program acceptability (suitability, practicality and benefits) was obtained by surveys, focus groups and interviews. Survey data were analysed descriptively, and focus group and interview data thematically. The survey response rate was 60%. Twelve focus groups (n = 96 nurses) and 24 interviews with senior staff were conducted. Falls were identified as a priority patient safety issue and nurses as key players in falls prevention. The 6-PACK program was perceived to offer practical benefits compared to current practice. Nurses agreed fall-risk tools, low-low beds and alert signs were useful for preventing falls (>70%). Views were mixed regarding positioning patients' walking aid within reach. Practical issues raised included access to equipment; and risk of staff injury with low-low bed use. Bathroom supervision was seen to be beneficial, however not always practical. Views on the program appropriateness and benefits were consistent across nurses and senior staff. Staff perceived the 6-PACK program as suitable, practical and beneficial, and were open to adopting the program. Some practical concerns were raised highlighting issues to be addressed by the implementation plan.

Fonte:
PLoS ONE ; 12(2): e0172005; 2017. DOI: 10.1371/journal.pone.0172005.